2.9.10

Rentrée scolaire

Há quatro dias que estamos em França e a Minúscula continua a falar português quase exclusivamente.
Por aqui, todos os anos, mesmo a partir da pré-primária, muda-se de professora. Este ano a Minus vai ter 3, uma a tempo parcial, outra, grávida a tempo parcial que sera substituída por outra também em part time. Mas não há-de ser nada, até porque a sua (da Minus) prioridade do momento é preparar a destruição definitiva dos meus poucos neurónios ainda em funcionamento sua festa de aniversário, que me vai tirar de órbita e que vai acontecer daqui a um mês e não, eu não quero fazer outra vez uma porcaria de um bolo da Hello Kitty !!!!
E entretanto, eu fiquei com inveja porque também queria um part time a trabalhar 2 dias por semana e isto até às 16:30.
O Minus fez uma fita das antigas para ficar uma miserável horinha no atelier de crianças, e quando ficou em casa, perguntou de 2 em 2 minutos pela irmã, a quem basicamente tira os brinquedos, grita e foge. Passei a tarde a saltar em cima de um colchão, a brincar com uma garagem, a ler livros com janelinhas e a fazer de um pouco edificante gato.
O ano lectivo 2010-2010 vai ser de engorda e estou a ser optimista porque acredito que não me vá matar. Referência a um provérbio português, sim, a comunidade emigrante recorre muitas vezes à sabedoria popular para gerir lacunas temporarias de sanidade.

Detesto AZERTs sem acentos
Também me dava jeito arranjar uma vida real e deixar de postar sobre a vida dos meus filhos e começar a postar sobre a minha. Esqueçam, se um dia voltar a viver uma vida real, não postarei, porque estarei a viver. Alguém encontra incoerências neste raciocinio ? Estou a escrever em letras pequenas, porque assim ninguém vai ler, nem comentar e eu fico na minha. Eu ganho sempre ! Adeus blogosfera, adeus ! muhahaha ! Mas enquanro recupero e não recupero a tal vida real, postarei...

Sem comentários:

Publicar um comentário

Pessoas

Nomadas e sedentarios